A última temporada de Stranger Things deixou uma pulga atrás da orelha dos fãs da série mais querida da Netflix.

Acontece que durante um episódio da terceira temporada da série, os personagens Will e Mike tem uma acalorada discussão que termina com Mike gritando para Will: “Não é minha culpa que você não gosta de meninas“. A briga termina sem uma resposta de Will e o assunto acaba ficando em aberto, não sendo aprofundado durante todo o restante da trama.

Só isso foi o suficiente para que se especulasse que o personagem poderia ser gay.

Agora, o site Screenrant joga mais lenha nessa fogueira revelando o que seria a sinopse original da história, que foi apresentada pelos criadores da série a emissoras de tv.

Nela, os irmãos Duffer descrevem Will como: “um garoto de 12 anos, doce e sensível com questões a respeito de sua identidade sexual. Ele acabou de perceber que não se encaixa na definição de “normal” dos anos 80. Suas escolhas ingênuas, como roupas coloridas, se tornam constante fonte de bullying. Assim como Mike, Will escapa através de jogos de fantasia, onde ele pode ser ele mesmo, sem inibições. Ele tem uma forte relação com sua mãe, Joyce. Seu irmão, Jonathan, ajuda a criá-lo no lugar de seu pai, que os abandonou há quatro anos.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Segundo os próprios criadores da série, a próxima temporada de “Stranger Things” deve ser a última.

Ainda não se sabe se a sexualidade do Will será abordada nessa próxima temporada, até porque, como se trata de uma sinopse de apresentação da série, modificações podem ser feitas durante o desenvolvimento do roteiro, mas, a gente torce pra que sim!