Dando uma de cupido, a atriz norte-americana Sally Field, decidiu tentar ajudar na paquera de seu filho, o diretor de cinema Sam Greisman, com Adam Rippon, o patinador Olimpíadas de Inverno.

Que tal alugar ao invés de comprar um carro?

Tudo começou quando Sam usou seu twitter pessoal para compartilhar um print de um chat via SMS com a mãe onde dizia: “Que? Ele encontrar comigo??” e ela respondia: “Sam… Ele é lindo demais! Vou dar um jeito…”. Ambos se referiam ao patinador norte-americano Adam Rippon, um dos destaques das Olimpíadas de Inverno 2018.

Sally então retweetou o post aos seus milhões de seguidores, e provavelmente a esta altura, Adam Rippon já deve estar sabendo que é crush do filho dela. Se vai rolar real a gente ainda não sabe… Mas nada como contar com ajuda da mãe famosa e apoiadora dos direitos LGBT. Rainha, né mores?

Vale lembrar que esta não foi a primeira manifestação de Sally Field sobre Adam Rippon. Uma semana antes, ela já o acompanhava nos Jogos Olímpicos de Inverno quando tuitou: “Você é maravilhoso Adam Rippon! Suas Olimpíadas não serão sobre Mike Pence”, citando o vice presidente americano que sempre lutou contra os direitos LGBT e agora chefia a delegação americana nos Jogos Olímpicos de Inverno.

Adam Rippon causou polêmica e ganhou boa parte da torcida ao se recusar a encontrar o vice-presidente americano publicamente semanas atrás. À imprensa ele declarou no momento: “O que? Encontrar aquele homofóbico que já financiou cura gay? Não, obrigado!”.

Adam Rippon se tornou o primeiro atleta abertamente gay a ganhar uma medalha americana pelos Jogos Olímpicos de Inverno. Ele levou o bronze na patinação artística.


Veja também:



Assista também: