A cantora Rita Lee, aos seus 73 anos, publicou nesta segunda-feira (08) celebrando o dia internacional da mulher através de um post em seu Instagram: “Xereca’s Day! Não Viemos da costela do macho, somos filhas da Deusa-Mãe do universo”, “Boa mulherada!”, entretanto, em seguida, uma parcela de seus fã a alertaram que o post soou transfóbico e ressaltaram que existem mulheres com pênis.

Rita Lee e Caetano Veloso
Rita Lee e Caetano Veloso (Foto: Instagram)

“Rita, hoje é dia de todas as mulheres sejam as de xereca, sejam as de pau. Por um dia das mulheres inclusivo a todas que fazem parte dessa luta.” Escreveu uma de suas fãs. Entre comentários negativos e positivos, uma outra retrucou: “Xereca’s day sim! Das 129 mulheres que foram queimadas, nenhuma era trans. Vão estudar a origem da data, que não é comemoração e sim política.”, escreveu

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

A internauta referia-se ao incêndio na Triangle Shirtwais Factory, em Nova York, no dia 25 de março de 1911, que é considerado por muitos como um dos marcos para a comemoração do Dia Internacional da Mulher. “Meu deus, gente… Parem de implicar com tudo. Quem realmente conhece um pouco da Rita Lee pelas suas histórias de vida sabem que ela não é transfóbica.” Completou outra.

No geral, a maioria dos comentários levaram a publicação em uma forma “agradável”, onde até pessoas trans alegaram não terem visto nada de intolerante na fala da cantora, que, certamente é de outra época e não teve intenção alguma de ofender.