Definitivamente, o mundo da música brasileira não é mais o mesmo. Nunca se viu tanta representatividade LGBT em tão pouco tempo. Já reparou que o número de artistas vindos do Vale – ao contrário de antigamente quando a maioria destes se mantinha no armário – só cresce? Mas olha, ainda pode vir mais que tá pouco!

A novidade da vez se deu pela união de cinco amigos rappers, negros e gays que vivem em São Paulo: Murillo Zyess, Guigo, Harlley, Lucas Boombeat e Tchelo Gomez.

Eles se juntaram e formaram de maneira independente o grupo de rap Quebrada Queer em uma atitude ousada e importante se lembrarmos que o rap nacional é um estilo musical que carece totalmente de representatividade LGBT diferente de outros segmentos.

Muito que bem. Eles acabam de lançar seu primeiro clipe, falando lindamente sobre representatividade LGBT, homofobia e respeito a todas as formas de amar na letra do primeiro sucesso, que em três dias no ar, já superou a marca de 150 mil visualizações.

Confira abaixo:

Veja também:

Assista também:

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).