O participante do X-Factor do Reino Unido, Joel Fischel, finalmente respondeu aos rumores que rondavam sua sexualidade. Mas ao contrário do que boa parte do público especulava dando por certo que ele era gay, o bonito se assumiu heterossexual.

Desde o começo da última temporada do reality musical, muitos fãs do programa simplesmente presumiam que Joel fosse abertamente gay falando dele nas redes sociais.

Só que em uma nova entrevista ao Daily Star, o cantor que foi eliminado do reality na semana passada, esclareceu os rumores quando perguntado abertamente: “Sempre fui meio afeminado e por isso todos presumem que sou gay, mas sou hétero.”, disse ele de maneira bastante honesta e bem resolvida em relação a si.

Joel revelou que até sua mãe já desconfiou da sua sexualidade: “Teve uma vez que minha mãe já chegou me questionando, dizendo que se eu fosse gay, ela entenderia.”. Já sobre seu parceiro de duetos no programa, Jack, ele também fez questão de explicar: “As pessoas dizem que somos namorados, mas somos amigos.”

Jack e Joel, eliminados do X-Factor UK.

A dupla Jack e Joel foi eliminada do X-Factor, ele garantiu que amou participar de qualquer forma: “Foi uma experiência inesquecível estar lá. Estamos ambos começando a nos descobrir como artistas musicais”.

E por falar em experiência… Nem mesmo uma experiênciazinha com caras então, Joel? Parece que não: “ Nunca fiz nada com outros caras e nem tive vontade. Esse é quem sou. É engraçado eu praticamente ter que avisar as pessoas que sou hétero.”, deixou bastante claro o moço.

É… a gente entende seu drama, Joel. É bem assim que a gente se sente ao ter que contar que é gay para as pessoas por aí!

Veja também:

Assista também:

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).