O Spotify divulgou uma lista com os 10 artistas masculinos e os 10 artistas femininos mais tocados no Brasil em seu serviço de streaming. Acontece que o ranking foi organizado separando artistas por gênero, e sendo Pabllo Vittar uma das artistas mais tocadas, a colocaram na lista de artistas femininos, figurando entre nomes como Marília Mendonça, Simone & Simária e Anitta.

A presença de Pabllo entre a lista das mulheres dividiu opiniões uma vez que, embora seja LGBT, Pabllo não é uma mulher transexual, mas apenas uma drag queen. Biologicamente e psicologicamente, Pabllo é um homem. Acontece que ele se monta pra se apresentar artisticamente. Mas e aí, como fica a questão quando este homem se apresenta como drag queen em uma personagem totalmente feminina?

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Um internauta no Twitter, por exemplo, reclamou: “Pabllo Vittar no ranking de mulheres brasileiras mais ouvidas no spotify. Alguém faz a porra de um outdoor escrito que drag não é mulher e bota em cada esquina”, enquanto outro questionou: “Eu vi isso mesmo? Pabllo Vittar feminino?”, questionou outro.

VEJA TAMBÉM:  Com Dua Lipa e Kesha, Pabllo Vittar estará no Mardi Gras 2020 na Austrália

E a sua opinião, qual é? Pabllo deveria figurar no ranking de artistas masculinos ou femininos?

Veja o ranking completo:

1. Anitta
2. Marília Mendonça
3. Pabllo Vittar
4. Anavitória
5. Simone & Simaria
6. Maiara & Maraisa
7. Camila Cabello
8. Dua Lipa
9. Taylor Swift
10. Demi Lovato


Veja também:


Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).