Sabia que em 2019, ao que tudo indica, poderemos ter um número recorde de filmes com temática LGBT (inclusa de alguma forma em seus enredos ou criação) concorrendo ao Oscar?

Segundo um ranking do Queerty TV, estes abaixo são os filmes mais cotados do Vale a concorrer ao prêmio máximo do cinema. Corre que ainda dá tempo de assistir até a cerimônia pra torcer pelos seus favoritos!

 We The Animals

O filme conta a história de uma família fora do padrão onde pais possuem um amor volátil que faz e desfaz a família, deixando seus três filhos por sua própria conta. A história é toda narrada por um jovem gay e tem grandes chances de concorrer nas categorias Melhor Roteiro Original e Melhor Fotografia. O ator Raul Castillo, que também ficou conhecido do público gay pelo papel na série Looking, pode concorrer na categoria Melhor Ator Coadjuvante.

Collete

O drama sobre a escritora bissexual Sidonie-Gabrielle Colette tem tudo pra concorrer nas categorias Melhor Figurino e também Melhor Roteiro, que foi desenvolvido pelo roteirista Wash Wesmoreland e seu marido falecido Richard Glasser, além de ter sido co-escrito por Rebecca Lenkiewitcz.

Boy Erased

O filme de Joel Edgerton, que conta a história real de um garoto internado em um centro de cura-gay pelos próprios pais, foi aclamado pela crítica especializada. O diretor também foi citado pela imprensa para concorrer na categoria Melhor Roteiro Adaptado. Deste mesmo longa, Nicole Kidmann pode concorrer a Melhor Atriz pelo papel da mãe do garoto.

Can You Forgive Me?

Também baseado em uma história real, Melissa McCarthy e Richard E. Grant fazem uma dupla de amigos homossexuais alcoólatras que vende cartas falsas de celebridades. Os dois são alguns dos favoritos pra concorrer nas categorias Melhor Atriz e Melhor Ator Coadjuvante.

Love Simon

A comédia romântica que conta a história do jovem Simon, que se descobre gay, encantou ao público. Rumores dizem pode concorrer a Melhor Filme e Melhor Roteiro Adaptado, de acordo com o Queerty TV.


Assista também:


The Happy Prince

Rupper Everett escreveu e dirigiu esta biografia do filósofo gay Oscar Wilde, onde ele também faz o personagem principal. A imprensa chegou a dizer que este foi o papel da sua vida, o que pode lhe render um Oscar de Melhor Ator.

A Star Is Born

Bissexual e ícone gay, a cantora Lady Gaga foi muito aclamada pela performance no filme, além da trilha sonora original, cantada por ela, ter sido muito elogiada. Cogita-se por aí um Oscar de Melhor Atriz e Melhor Trilha Sonora para a cantora e excelente atriz.

Bohemian Rhapsody

A cine-biografia do vocalista do Queen, Freddie Mercury, foi um sucesso de bilheteria. O protagonista, Malek, segundo a imprensa, tem tudo pra concorrer ao Oscar de Melhor Ator.

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).