Na próxima quarta-feira (24), em A Dona do Pedaço, o personagem de Malvino Salvador, Agno, irá sair do armário. O fato ocorre quando sua esposa, Lyris (Deborah Evelyn) descobre que o ex-marido a trocou por garotos de programa e faz um escândalo na construtora do marido.

O desenrolar da trama acontece quando Agno pede o divórcio e sai da casa. A separação faz com que Lyris contrate um detetive particular para descobrir o real motivo do fim do seu casamento. O investigador ficará surpreso com o entra e sai de rapazes do flat de Agno até que faz fotos do empresário com um garoto de programa.

Após receber as fotos, Lyris vai até a construtora do ex marido, invadirá sua sala, e afirmará que já sabe de tudo.

 “Eu já sei de tudo, Agno. Já descobri que costuma sair com rapazes. É por isso que, apesar de todas as minhas tentativas, não me queria”, dirá Lyris.

Lyris (Deborah Evelyn) chorando em cena. (Foto: Tv Globo)

Para a surpresa da ex-mulher, Agno não irá negar. O personagem de Malvino dirá que tentou ser um homem normal, mas logo em seguida rebate, e diz que normal é ser quem o que a gente é.  

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

“Não foi só por isso. Mas confesso. Eu tentei, Lyris, tentei um bom casamento. Ser um homem normal, como dizem. Mas o que é normal? Ser normal é ser o que a gente é. Há muito tempo sei que não conseguiria ir adiante com o casamento…Eu assumi”, revelará Agno.

Após a revelação de Agno, a personagem de Deborah Evelyn começará um verdadeiro barraco, e é claro, irá aproveitar da situação para chantageá-lo.

 “Você pega rapazes na rua. Vai falar o que de mim? Eu quero o apartamento, metade do dinheiro que pegou na venda da empresa e uma mesada de acordo com o padrão de vida que estou acostumada. Ou conto para todo mundo que você é gay”, ameaçará a dondoca.

Felizmente, Agno não irá cair na chantagem. O personagem criado por Walcyr Carrasco falará que não vê problema nenhum em ser gay.

“Em que mundo você está vivendo? Não tenho problema nenhum em ser gay. Não vai me chantagear. Não dou nada. Dou um salário mínimo de mesada, se quiser”, dirá o executivo.

Irritada com o marido, Lyris abrirá a porta do escritório e começará a gritar que seu marido é gay.

“Meu marido é gay, meu marido é gay! O Agno é gay. Gay”, gritará Lyris.

Maikon Stefan
Amante do teatro, tv e de Harry Potter, formado em Técnico em Administração e Bacharel em Ciência e Tecnologia (UNIFESP-SJC). Atualmente cursa Engenharia de Materiais (UNIFESP-SJC). Também foi Presidente da Empresa Júnior (Ectm Jr). "Me chama pra causar que eu vou".