Na série de sucesso, ‘Love, Victor’, o ator Michael Cimino interpreta um jovem gay com problemas em se assumir e lidar com sua sexualidade. Na série, seus pais são de descendência porto-riquenha e extremamente religiosos e acreditam que o protagonista seja heterossexual.

De acordo com o Pink News, Michael Cimino é heterossexual e comentou sobre a questão de atores gays necessariamente interpretarem personagens gays. O ator contou que acha aceitável atores heterossexuais assumirem papéis gays – e para ele, o que importa é trazer “honestidade” na reprodução da obra.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:
Love, Victor Michael Cimino
Michael Cimino em ‘Love, Victor’ (Foto: Reprodução/Divulgação)

“Não acho que ninguém deva desempenhar um papel que não honre a situação e sua gravidade com honestidade e autenticidade”, diz Cimino. “Atores não devem assumir papéis importantes como nesta série apenas para ganhar dinheiro. Eu prometo e trabalho o máximo que posso para honrar a luta e a situação que todos [que fazem parte] da comunidade LGBT + passam.” Completou.

VEJA TAMBÉM:  Estrela de Love, Victor, Michael Cimino revela inspiração em primo gay para a série

Michael Cimino sabe que assumiu uma grande responsabilidade em interpretar o personagem Victor e acredita que que jovens LGBT + e seus pais devam assistir a série e desconstruir tabus que persistem na sociedade atual.

Vale ressaltar que o ator já comentou inúmeras vezes sobre intolerância e comentários maldosos e homofobicos que já ouviu por interpretar um personagem gay. Alguns comentários, segundo ele, partiram até de pessoas mais próximas.