Provavelmente em algum tipo de surto e aparentemente fora de si, a atriz Lindsay Lohan fazia uma live em seu Instagram ao sair de uma boate em Moscou, na Rússia.

Enquanto andava pela rua, ela surpreendeu seus seguidores ao mostrar no vídeo o que chamou de “uma família refugiada da síria”.

Com seu celular filmando a família, ela visivelmente alterada oferece a eles colocá-los em um hotel para passar a noite, o que a família nega.

Então, Lindsay oferece um quarto apenas para as crianças dizendo “quão legal seria passar a noite assistindo filmes com elas”, o que os pais também negam.

A família tenta se afastar mas a atriz vai atrás insistindo em seus convites no que já parece uma verdadeira perseguição de tráfico humano.

“Não f*de com o Paquistão”, grita Lindsay tentando forçar as crianças a virem com ela.

Uma das crianças chega a ser puxada pela atriz, mas a mãe a pega de volta. E então, Lindsay começa a chorar.

Achou bizarro? Pois o vídeo da live – que já corre a Internet – é mais perturbador ainda:

Assista também:

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).