Leão Lobo esteve presente no programa da apresentadora Luciana Gimenez e, relatou que aos 16 anos de idade, sofreu um estupro coletivo em Mongaguá, litoral de São Paulo. 

De acordo com o comunicador, o acontecimento foi tão terrível, que ele não consegue mais lembrar de muita coisa. 

“Estava em Mongaguá, avistei um rapaz deitado na areia e o achei muito bonito. Fui e voltei, até que ele levantou e me chamou para ir a um lugar com ele. Me levou para uma casa e quando cheguei lá tinham mais quatro rapazes” relembrou, que prosseguiu.

 “Eles fecharam a porta com um prego e é mais fácil eu te dizer o que não chegou a acontecer ali, de tanta coisa que aconteceu”, disse a celebridade, que ressaltou que a ação foi violenta ao extremo.

“Foi tudo tão violento a ponto de eu esquecer. Só consegui lembrar disso de novo na terapia, anos depois, e chorei muito. Fiquei muito mal porque foi bem forte”, concluiu Leão Lobo.

Carioca, antenado e intenso. Redator do Põe na Roda e Produtor Digital da Rádio Rio de Janeiro. Amante das artes, desde as cênicas até a fotografia. Taurino com 21 anos, apreciador raiz da cultura pop e um jornalista em construção.