Estrela de Orange Is The New Black, Laverne Cox, que também ativista LGBT, criticou a forma como a imprensa trata artistas trans nos EUA. Para a atriz, existe claramente muita discriminação na forma como pessoas transgêneros são expostas na mídia, por meio de sensacionalismo.

“É o momento ideal para começar a falar de um jeito diferente sobre a galera trans. A maior parte dos trans são citados na televisão ou quando vamos em talk shows”, disse. E continuou: “As perguntas são bem invasivas, objetivas e desumanas, na minha opinião, isso é muito sensacionalista”, completou.

Ainda na entrevista ao New York Post, ela afirmou que deseja usar sua notoriedade para discutir esse assunto. “Eu quero usar essa plataforma e essa oportunidade para criar uma marca maior para mim mesma, mas também para falar e mudar a conversa sobre as pessoas transgênero”, finalizou a atriz.