Contendo apenas quatro episódios, a série First Day foi ao ar pela primeira vez na emissora ABC, da Austrália, no início deste ano. A obra documenta a vida de Hannah Bradford –Evie Macdonald, e conta o drama sobre ser trans ao ter que ingressar em uma escola nova.

A CBBC, rede infantil da BBC, exibiu o primeiro episódio de 24 minutos da série na última quarta-feira, 19. As instituições de caridade e os pais de crianças trans têm elogiado a emissora pelo ato de representatividade nas telas.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

A história se inicia com o último dia de Hannah na escola primária, no qual é bombardeada com palavras de ódio e atitudes transfóbicas.

Macdonald, atriz que interpreta o papel principal, já havia confrontado o primeiro-ministro australiano Scott Morrison por suas opiniões sobre as pessoas trans.

First Day: série da CCBC mostra o cotidiano de uma aluna transgênero.

Em 2018, Morrison votou contra o casamento entre pessoas do mesmo sexo no país, e ainda respondeu a uma reportagem do The Daily Telegraph da Austrália, onde afirmava que os professores estavam sendo treinados para identificar crianças transexuais e ele respondeu em seu Twitter: “Não precisamos de ‘sussurros de gênero’ em nossas escolas, deixe as crianças serem crianças”.

VEJA TAMBÉM:  Respeitar gênero e nome de pessoas trans reduz riscos de suicídio e depressão, diz estudo

Em resposta, a atriz fez um vídeo onde falou: “Meu nome é Evie Macdonald, tenho 13 anos e sou uma criança transgênero e é isso que quero dizer ao primeiro-ministro”.

“Existem milhares de crianças na Austrália com gêneros diversos, não merecemos ser desrespeitadas dessa forma por meio de tweers de nosso primeiro-ministro”, completou.

Evie ainda contou sobre sua experiência traumática da infância: -“Eu sei o que é ser alvo de atitudes como essa, eu fui para uma escola cristã onde tive que fingir ser um menino e passei semanas em terapia de conversão”, contou. “todos tem uma infância e a minha foi roubada”, conclui.

CBBC airs 'First Day' about a trans girl starting school - Attitude.co.uk

First Day está sendo exibido poucos meses após a BBC ser rotulada de “instituição transfóbica” por parlamentares e ativistas LGBT+ em junho.

Em julho, as maiores organizações LGBT + do Reino Unido se uniram para condenar a emissora pública por remover todas as instituições de caridade trans-específicas para a Inglaterra, Escócia e País de Gales de sua página de apoio da Action Line.

VEJA TAMBÉM:  Pessoas trans têm cirurgias e assistência médica canceladas durante o coronavírus