Nesta sexta-feira (6) vai ao ar a segunda parte da premiere da 12ª temporada de “RuPaul’s Drag Race” e conheceremos Sherry Pie, uma das concorrentes desse ano. As informações são do Draglicious.

Porém, antes mesmo de se apresentar propriamente ao público, a queen está em meio de um grande escândalo de assédio sexual. Um antigo colega de Sherry publicou no Facebook esta semana um relato que chocou a comunidade drag.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Ela se passava por Allison Mossey, uma suposta recrutadora de peças de teatro, para oferecer ofertas de emprego para jovens atores gays que buscavam um espaço no ramo.

Sherry – ou Alisson – pedia fotos e vídeos de conotação sexual para os atores como uma forma de “teste” e depois simplesmente desaparecia. Até esteroides foram tomados pelos jovens a pedido da suposta recrutadora.

Confira o relato completo:

Eu tenho uma história estranha para contar sobre Sherry Pie.

A S12 de RuPaul’s Drag Race começou na semana passada. É um momento emocionante na comunidade gay. Temos a chance de nossa cultura ser transmitida na televisão nacional, uma área que por muito tempo ignorou nossa narrativa, apesar do quanto a cultura pop tira da nossa cena. Ao longo do mês, você sem dúvida ouvirão algum homem gay dizer que este é o nosso equivalente ao Super Bowl.

Esse show foi super importante para mim por muitos anos. Eu assisti pela primeira vez durante o meu primeiro ano de faculdade. Na época, eu tive um relacionamento tumultuado por ser gay. O show foi uma das primeiras experiências que tive que mostrava outros gays vivendo sem arrependimentos. Tornou-se um fenômeno da cultura pop do qual não me canso. No entanto, não tenho certeza se poderei assistir neste ano.

Participei do programa de teatro musical da Universidade Estadual de Cortland com Sherry Pie, uma das concorrentes que fará sua estréia no segundo episódio de Drag Race. Foi Sherry quem me expôs ao show. Na época, ela era calouro. O programa estava no meio da quinta temporada, e personalidades como Alaska e Detox me fizeram apaixonar pela cultura em que agora me esforço para participar.

Sherry e eu também temos uma história extensa além do nosso tempo em Cortland. Nos verões, trabalhamos juntos em um teatro de verões em uma pequena cidade no oeste do Michigan. No total, realizamos mais de 15 shows juntos. Eu até me apresentava como dançarina em duas de suas performances de drag enquanto ela ainda estava no centro de Nova York.

A história muda de forma estranha quando eu estava no último ano em Cortland. Sherry não estava mais frequentando a escola neste momento.

Outro amigo próximo me procurou e me disse que havia uma audição para uma nova peça no prestigiado Playwright’s Horizons, em Nova York, com um papel para o qual eu era bom. Ele me deu um e-mail para uma mulher chamada Allison Mossey, que imediatamente pareceu interessada no meu trabalho ao receber meu e-mail.

Allison e eu trocamos mais de 150 emails em cerca de três semanas. Abordamos tópicos de remuneração, situações de vida na cidade, quando eu teria que sair da escola para ensaios e conversas sobre escolhas de atuação para o personagem. Eu tive que filmar cenas que pareciam particularmente sexuais e estranhas, mas a oportunidade parecia boa demais para deixar a natureza sexual aberta ou minhas inibições atrapalharem. Eu simplesmente disse a mim mesma que meus pais não teriam [minha] permissão para assistir ao show, mas eu queria a experiência profissional e aquela oportunidade brilhante no meu currículo.

Fiquei dias sem receber nenhuma resposta de Allison. Eu acabei enviando um email para ela pedindo uma resposta. Eu estava pensando em abandonar a escola para [me dedicar] a oportunidade. Eventualmente, ela apareceu para mim e disse que não havia respondido porque não tinha acesso à Internet. Achei difícil acreditar nisso, já que ela estava trabalhando em um dos principais teatros da cidade de Nova York.

“Estou escrevendo isso porque espero que ninguém se sinta assim novamente. Além disso quero informar às pessoas da nossa comunidade que Allison não está tentando contratá-lo para a Playwright’s Horizons. Por fim, espero que Sherry tenha aprendido que Allison não é uma pessoa que ela possa esconder se quiser objetificar outros homens gays.

Eu ouvi rumores que Sherry vai bem em Drag Race. Particularmente, eu não estou surpreso. Sherry é normalmente a pessoa mais hilária e criativa do ambiente Os looks e maquiagens de Sherry evoluíram bastante desde a última vez que trabalhei com ela. Sherry tem vários traços de rainhas que se deram bem no show.

Sherry será uma explosão de assistir no programa. Espero que o sucesso que ela tenha, sem dúvida, permita que ela se liberte do uso de personagen da Internet para objetificar outros homens gays. No entanto, eu percebo que o contrário também é possível. O sucesso de Sherry lhe trará mais oportunidades de vitimar outras pessoas. O que Sherry fez com todos nós foi errado. Embora a drag de Sherry possa ser admirada por nossa comunidade, espero que nossa comunidade também reconheça o impacto de proporcionar a ela um palco maior para se exibir. Espero que Allison Mossey e outras táticas de sexualizar pessoas em nossa comunidade, sem o consentimento delas, acabem.

Comentário: algo muito similar aconteceu comigo da mesma forma. Muito obrigado por compartilhar Be! Sherry me colocou em contato com essa mesma Allison. Tenho quase certeza que isso rolou conosco ao mesmo tempo. Não estou dizendo para não apoie-la no show, mas é algo que as pessoas precisam saber”.

Acabei ficando cansado das idas e vindas que pareciam não chegar a lugar nenhum e entrei em contato com a Playwright’s Horizons diretamente para perguntar sobre o relacionamento deles com Allison Mossey. A pessoa que eu entrei em contato me notificou que ninguém dentro da empresa jamais tinha ouvido falar dela.

Entrei em contato com o amigo que originalmente recebeu esse contato por e-mail. Ele também aguardando um retorno de chamada para um show diferente com a mesma mulher. Eu disse a ele para não entrar em contato com ela novamente. Também perguntei de onde ele havia conseguido o contato. Era de Sherry Pie, que era inflexível sobre sua amizade com Allison.

Quando comecei a contar aos meus amigos o que havia acontecido comigo, um dos meus melhores amigos me disse que um colega que havia trabalhado em um teatro fazendo Hairspray com Sherry também teve a mesma experiência com Allison Mossey. Outro amigo disse que a mesma coisa aconteceu com alguém que ela conhecia. Sua amiga também estava em contato próximo com Sherry. Onde quer que Sherry parecesse ir, Allison a seguiria. Desde que compartilhei minha experiência, seis pessoas corroboraram histórias comigo.

Eu tive que lidar com o fato de que esses vídeos que enviei não eram para o benefício da minha carreira. Especificamente, os vídeos que enviei era eu fazendo uso de esteróides para aumento imediato de maiores músculos maiores e ganho de força física. O personagem, Jeff, falou sobre o quanto suas axilas começaram a cheirar mal e o quanto ele gostava disso. Foi uma pílula difícil de engolir, sabendo que eu não tinha ouvido meu instinto sobre o quão desconfortável eu estava. Que eu tinha enviado vídeos sugestivos de mim mesmo e não sabia para o que os vídeos estavam sendo usados.

Eventualmente, fui capaz de classificar tudo isso como uma difícil lição sobre como pesquisar [possíveis] empregadores. Mas antes que eu pudesse chegar lá, experimentei um trauma emocional maciço. Considero os meses seguintes o período mais baixo para minha saúde mental. Alguns outros testes pessoais aconteceram ao mesmo tempo, e meu estado mental estava em um ponto de ruptura que eu nunca havia experimentado antes.

Algumas antigas queens de “Drag Race” já haviam avisado seus fãs sobre Sherry Pie e, após todo o escândalo vir à tona, Aquaria, vencedora da season 10, se manifestou em seu Twitter.

VEJA TAMBÉM:  Pabllo Vittar ultrapassa RuPaul e se torna a Drag Queen mais premiada e ouvida do História

“As garotas da season 12 são todas tão divertidas e talentosas estou tão animada por elas! Essa temporada parece INCRÍVEL. Pensando se deveria criar uma vaquinha para Lee Dawson (editor do programa) criar uma edição sem Sherry Pie porque essas queens não merecem caírem com aquilo”

Que escândalo! Sherry Pie já está recebendo um backlash grandioso nas redes sociais, causando o arrependimento para quem estava torcendo por ela.

VEJA TAMBÉM:  Final de Drag Race foi gravada por videoconferência; saiba mais
Avatar
22 anos, geminiano, mineiro, jornalista formado pela UEMG. Apaixonado por música e artes de modo geral. Ex-bailarino na teoria mas danço nas festinhas bastante. Sonho em ser amigo da Rihanna e da família da Beyoncé. Provável futuro ex-bbb e quem sabe vencedor da Fazenda.