No último dia 10 de agosto, a estrela de ‘The Big Bang Theory’, Jim Parsons, de 47 anos, revelou as verdadeiras razões que o fizeram deixar a série em 2019, depois de mais uma década muito bem sucedida no ar.

Como convidado do podcast ‘David Tennant Does a Podcast With…’, o intérprete do incrível Sheldon Cooper e celebridade abertamente gay, revelou que começou a se sentir cansado do programa e esse sentimento veio a tona por conta de alguns acontecimentos que rolaram depois que assinou o contrato para continuar a estrelar as temporadas 11 e 12 da série.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Foi uma estrada complicada, como podem imaginar”, lembrou ele. “Passámos a 11ª temporada, e depois, nesse verão fui a Nova Iorque fazer ‘Boys in the Band on Broadway’, e ali comecei a pensar sobre isso“, contou ele.

Jim se tornou um dos atores mais bem pagos da TV, chegando a ganhar 1 milhão de dólares por episódio. Mas chega um momento da vida, principalmente quando você já tem dinheiro de sobra, que a fortuna não importa tanto mais, né?

E aí veio o estopim para que ele quisesse realmente deixar a série: a morte de seu cão Otis, de 14 anos.

Eu estava exausto, e estava realmente chateado por ver um dos nossos cachorros estar chegando no fim da sua vida”, diz ele. “Nunca esquecerei aquele passeio pelo parque para o deixar ir à casa de banho antes de ir para o estúdio gravar”, contou ele.

VEJA TAMBÉM:  “Essa coisa de ativo ou passivo já era!”, diz apresentador americano Andy Cohen

“Ele parecia tão mal, e eu estava tão cansado, e (o meu marido) Todd falava… ‘temos de ir, agendarmos a consulta, dar um jeito de encaixar isso na sua agenda’ e eu apenas comecei a chorar”, revelou Parsons.

O ator também revelou que ficou preocupado com seu cachorro – que passava sérios problemas de saúde – e pensava que se ele morresse enquanto trabalhava, iria se sentir muito mal e culpado. Foi então que juntamente com seu marido, decidiram sacrificá-lo.

Logo depois disso, durante uma de suas apresentações na Broadway, Parsons quebrou o pé: “Foi o momento mais assustador … Senti-me como se estivesse à beira de um penhasco, e eu estava a brincar, e vi algo realmente escuro lá em baixo, entre a morte do cão e … Eu não sei o que eles teriam feito se eu não pudesse ter voltado para a peça. Mas eu voltei”.

Outra reflexão que o fez o ator tomar tal decisão, foi quando, ano passado ele estava com 46 anos, atuando na 12ª temporada da série, e ele pensou que estava apenas seis anos mais novo que seu pai da época que faleceu aos 52 anos: “Queria viver e fazer outras coisas além daquilo tudo”.

Se me dissesse que, tal como o meu pai, eu ainda tenha seis anos de vida, penso que há outras coisas que tenho de tentar fazer”, recordou ele, que também disse que em todo o tempo que esteve na série, foram momentos de muita alegria e que tem muito carinho por toda essa sua trajetória.

View this post on Instagram

It was really hard to pick the right pic for this post, so here is a shot of us in a hug after we filmed the last group scene we would ever film for the series… and TONIGHT is THE NIGHT… it’s the series finale at 8pm EST and then there’s the Young Sheldon (season!) finale, and then a special behind the scenes show hosted by @kaleycuoco and @sanctionedjohnnygalecki and then the entire cast is on @colbertlateshow I hope you get a chance to tune in and i hope you enjoy all of it. If you enjoy it even half as much as we’ve enjoyed (LOVED) creating this show for the past 12 years, then that’ll be a WHOLE WHOLE lot of enjoyment. All of us will miss seeing you in this format, but we will be around in all sorts of ways, I assure you… love love love ❤️❤️❤️

A post shared by Jim Parsons (@therealjimparsons) on

Maikon Stefan
Amante do teatro, tv e de Harry Potter, formado em Técnico em Administração e Bacharel em Ciência e Tecnologia (UNIFESP-SJC). Atualmente cursa Engenharia de Materiais (UNIFESP-SJC). Também foi Presidente da Empresa Júnior (Ectm Jr). "Me chama pra causar que eu vou".