Enaltecendo o novo e maravilhoso documentário Howard, sobre a vida do roteirista e compositor Howard Ashman, atualmente em exibição no Disney+, o portal Queerty lembrou uma revelação feita sobre uma da vilãs mais famosas da Disney.

Antes disso, apenas um adendo: Pra quem não sabe, o documentário Howard conta como um homem gay, Ashman, foi um dos responsáveis pela criação de tantos clássicos da Disney. Vale muito a pena assistir.

Mas voltando… Sobre a personagem da Disney inspirada em uma drag queen real, estamos falando do clássico: A Pequena Sereia.

A história segue a sereia Ariel, uma jovem apaixonada por um belo príncipe. Acontece que seu pai a proíbe de se relacionar com um ser humano. É quando Ariel vai pedir ajuda à bruxa do mar Úrsula, trocando sua voz por um par de pernas pra que pudesse caminhar com o amado pela Terra.

No documentário, Howard confirma que Úrsula – vilã e de longe a personagem mais divertida da animação – teve sua criação inspirada na drag queen veterana norte-americana, Divine.

Vilã Ursula de “A Pequena Sereia”: inspirada na drag queen Divine.

Um live-action de A Pequena Sereia já está sendo produzido pela Disney, e recentemente causou polêmica na Internet por terem escolhido uma atriz negra para o papel: Halle Bailey.

E pensando nisso, e aproveitando questões de diversidade que tem sido exploradas felizmente pela Disney, bem que a Úrsula do live-action podia ser uma drag queen, né? O restante do elenco ainda não foi anunciado.

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).