O ator Andrew Garfield, ex-intérprete do herói Homem-Aranha nos cinemas, está tentando viver sua sexualidade da maneira mais aberta possível. A declaração foi dada em uma nova entrevista à revista gay americana Out.

O ator  explicou que, apesar de se considerar heterossexual, não descartaria a possibilidade de uma experiência homossexual: “Até hoje só fui sexualmente atraído por mulheres. Minha postura em relação à vida porém é de sempre me permitir, nunca ficar me controlando. Acho que maior parte das pessoas fica tentando se controlar e limitar suas experiências, se pondo em caixas e rótulos que definem quem somos. Quero aproveitar ao máximo até o fim da vida e estou aberto a qualquer impulso que possa surgir a qualquer momento.”

Mas e se fosse para se identificar com alguma sexualidade? “Seria como heterossexual, mas assumir um rótulo destes me parece assustador. Pode isso?”, respondeu o ator.

Garfield estreia na peça “Angels in America” no final do mês na Broadway, em Nova York, onde interpreta um personagem gay. Ano passado ele gerou polêmica no mundo todo ao declarar em uma entrevista que era um “homem gay, mas sem o ato físico”.

Após a repercussão negativa do comentário, ele se explicou: “Não foi o que eu quis dizer. Eu estava falando sobre a peça “Angels In America”, sobre o quão grato eu estava por estar trabalhando em algo tão profundo. A história é uma carta de amor para a comunidade LGBTQ e, no contexto, estávamos falando sobre ‘Como você se prepara para algo tão importante e tão grande?’ e eu estava basicamente quiz dizer que “me jogo o mais fundo que puder”.

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).