O ator Jim Parsons, famoso por interpretar Sheldon Cooper em “The Big Bang Theory” (TBBT), revelou em entrevista ao Hollywood Reporte que tinha medo que o fato dele ser gay pudesse prejudicar o desempenho da série.

“Eu não tinha medo de perder meu emprego. E eu não tinha medo a ponto de negar minha sexualidade. Mas eu tinha medo o suficiente para tornar minha missão nunca falar a respeito”, relata Jim. 

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O ator possui 47 anos, mas quando começou a gravar TBBT estava com 33. “Eu cresci em uma época muito distante da era em que estamos hoje, quando se trata de contar a alguém que você é gay. Acho que é inegavelmente diferente do que era há 20 anos”, revela.

Jim saiu do armário em 2012, durante uma entrevista, em que foi questionado sobre a crise de AIDS dos anos 1980: “não consigo lembrar a pergunta exata, mas [o jornalista] perguntou algo tipo, ‘Foi mais significativo participar de The Normal Heart sendo gay?’ Eu disse que sim. Me lembro de sair de lá pensando ‘bom, eu meio que usei a porta dos fundos’. Pensei que era poeticamente perfeito”.

“Uma vez que todos sabiam da minha sexualidade, eu tive um sentimento de propriedade sobre ela. E isso foi muito novo para mim, me senti um membro mais participativo da comunidade. Foi, e ainda é, em alguns sentidos, um grande motivo de orgulho para mim”, acrescenta o ator.

Jim recentemente fez parte do elenco da nova série de Ryan Murphy, Hollywood, em que interpreta o agente e assediador Henry Wilson. Além disso, o ator foi indicado seis vezes ao Emmy na categoria Melhor Ator em Série de Comédia, das quais levou quatro estatuetas.