Em entrevista ao youtuber Samuel Gomes, do canal “Guardei no Armário”, Gabriel Felizardo, filho do sertanejo Solimões, revelou que, antes mesmo de se assumir, seu pai fez isso por ele.

“Com 14 anos eu comecei a fazer teatro. Eu era super teatral, gostava de arte. E na cabeça do meu pai funcionava assim: ‘Ele não gosta de futebol, quer fazer teatro’… Ele foi fazendo um “checklist” e meu pai fala que ele assumiu que eu era gay antes de mim”, contou.

Em seguida, o cantor falou como o teatro o ajudou no processo de autoaceitação: “No teatro eu fiz o meu maior círculo de amizades e tinha muitos gays nesse grupo, estávamos passando pelo mesmo processo e nós saímos juntos do armário, mas cada um no seu tempo”, contou Gabeu, nome artístico do músico que, recentemente, lançou seu projeto musical “pocnejo”.

Por fim, ele afirmou que revelou definitivamente ao pai que era gay, aos 16 anos. A relação entre Gabeu e o Solimões é muito boa. Frequentemente, o sertanejo faz publicações de apoio ao filho nas redes sociais.