Morando atualmente em Portugal, Lucélia Santos revelou em entrevista ao UOL, que tem muita preocupação com o Brasil. No bate papo, a renomada atriz falou que, entre tantas coisas, uma das situações que mais a preocupam é a indiferença do Governo Bolsonaro em relação ao desmatamento na Amazônia.

“O que mais me assusta é a destruição da Amazônia acima de todas as outras ações do atual governo. Porque isso é irreversível, realmente assustador! Pra toda a humanidade, pra todos os seres vivos desse planeta”, afirmou.

A atriz ainda completou falando sobre a onda de intolerância e fanatismo político no Brasil. “Não falo mal do Brasil, pois amo o Brasil, só o enalteço. Falo mal, sim, desse desgoverno e sua crueldade, sua malícia e sua milícia, sua selvageria e brutalidade. Eles não são humanos, acho que são uma espécie de alienígenas do mal que se estabeleceram em Brasília”, disse.

E completou: “Pra chegar lá devem ter colocado alguma droga nos computadores e nas redes sociais e na água que as pessoas bebem e ficaram todos dominados, erguendo uma espécie de livro sagrado e repetindo slogans desconectados da realidade, fazendo gestos obscenos com dois dedinhos, indicando violência e morte, e conseguiram vampirizar os incautos. E mais: só falam escatologia e amam pornografia. Estou chocada!”.

Para finalizar, Lucélia ressaltou a importância da resistência em um momento tão conturbado e triste que o país enfrenta. “Temos uma juventude arretada e rebelde! Vamos lutar pela Amazônia e pela soberania dos seus povos originais, pelos índios brasileiros e pelas mulheres, pelo povo negro e pela comunidade LGBT. Lutar pelo Brasil, seus rios, suas florestas que eu amo e continuarei defendendo de todo o mal até o dia da minha morte, amém”, finalizou.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA: