O ator pornô Joey Mills fez um manifesto para que atores não aceitem menos que 1.000 dólares por cena gravada. A indignação do jovem de 21 anos veio depois que o também ator pornô Armond Rizzo veio a público alegar que o estúdio BlacksOnBoys paga menos aos passivos do que aos ativos.

Vários artistas de alto nível estão agora junto com Rizzo discutindo a questão e Mills foi ao Twitter nesta segunda-feira (27) dizer que os artistas deveriam “saber o seu valor”.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Os estúdios estão “se aproveitando de jovens artistas”, diz Joey Mills. “Como artistas, podemos ir em frente e dizer que ninguém que está se apresentando para um estúdio deve receber menos de 1.000 dólares por cena”, disse o ator que já trabalhou com a Men.com e Helix Studios.

Uma “cena” é apenas uma história ou unidade de ação em um vídeo.

VEJA TAMBÉM:  Márcia Sensitiva diz que energia do pênis do ativo fica no passivo 24h depois do sexo

“Eu ouvi falar sobre algumas dessas taxas de cena de novos modelos e como vários estúdios conhecidos estão conscientemente se aproveitando de jovens artistas”.

Ele continuou: “Você pode tentar dizer que é duro estar começando com um estúdio, mas se você tiver que tirar proveito das pessoas e ‘foder elas’ para iniciar um estúdio, você não deve administrar um”.

“Se você é um artista que ganha menos de 1k, eu não estou querendo te atacar de forma alguma. Eu só quero que todos percebam o seu valor em vez de deixar seu estúdio decidir por você. Especialmente nos EUA”.

Os tweets de Joey Mills fizeram com que muitos artistas fossem transparentes em relação a seus salários, principalmente falando sobre como isso mudou em ao longo das carreiras.

Um ator explicou que começou a carreira fazendo 500 dólares por cena. “Agora sou mais experiente”, disse Nic Sahara, “sinto que devemos ganhar nada menos que 1k”.

VEJA TAMBÉM:  Ator pornô gay Billy Santoro tem redes sociais deletadas por comentários racistas

Já Owen Hawk contou que a primeira cena que lhe foi oferecida pagou 300 dólares em 2003. “Aceitei porque estava tentando entrar no setor, o que era difícil naquela época, morando na costa leste. 17 anos depois e ainda continuam assim, e não me arrependo de receber esse pagamento pelas oportunidades que isso trouxe”.

Mills explicou mais tarde que, independentemente de quão pequeno ou grande o pagamento possa parecer para uma cena, quando um estúdio envia para o site ele será transmitido “para sempre”.

Segundo vários depoimentos de estrelas pornôs e produtores queer compilados pelo Queerty, em média um ator pornô ganha entre 500 e 1.000 dólares por vídeo.

Registrar um salário médio na indústria da pornografia pode ser difícil, e como muitos artistas e estrelas da pornografia se reunindo em serviços como o OnlyFans, a forma como as pessoas no entretenimento adulto ganham dinheiro está mudando.

VEJA TAMBÉM:  8 vezes em que o Antoni do Queer Eye mostrou ter um grande talento... não só na cozinha.

Fonte: Pink News