Terceiro eliminado do BBB 20 com quase 80% dos votos, Hadson concedeu uma entrevista para a revista Quem, onde falou das polêmicas que ele causou na casa.

Babu dispara comentário homofóbico na festa do BBB20

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O ex-jogador de futebol disse que foi errado ele ter comentado sobre a possibilidade de Mari trair seu namorado Jonas no reality show, mas que nunca houve um plano nesse sentido.

“Cometi um erro, que foi uma tentativa de jogar um verde pra Gizelly e pra Marcela para saber se elas estavam mesmo do meu lado. Elas achavam que os homens tinham um plano para detonar as mulheres. E nem havia plano. Todos os caras chegaram num consenso de que a Mari estava jogando para seduzir o Lucas. Mas a gente só deduziu, ninguém afirmou. Mas, como fui eu que levei a conversa, idiotice minha, todo mundo achou que quem fez o plano fui eu.”

O paraense explica que só havia uma estratégia inicial do grupo pipoca, mas que se arrepende do modo que falou de Mari.

“O único plano que houve desde o início, e disso elas não podem correr, foi que, o grupo pipoca não votava entre si. A ideia era tirar os do camarote, os convidados, mas no decorrer dos dias, elas ficaram em cima do muro. Não tinha plano contra as meninas, era apenas uma, a Mari. Ter exposto a conversa é meu único arrependimento. Isso eu fiz de forma consciente.”

O paraense ainda se defendeu do rótulo de homofóbico, dizendo que não haveria nenhum problema se algum de seus filhos fosse gay.

“Sobre as outras polêmicas, que me acusaram sem eu saber que estava errei, não me arrependo. Fico chateado com rotulações diretas do tipo “homofóbico”. Não teria problema algum se um filho meu se relacionasse com homens. Não procuraram me conhecer. Me apedrejaram.”

Avatar
22 anos, geminiano, mineiro, jornalista formado pela UEMG. Apaixonado por música e artes de modo geral. Ex-bailarino na teoria mas danço nas festinhas bastante. Sonho em ser amigo da Rihanna e da família da Beyoncé. Provável futuro ex-bbb e quem sabe vencedor da Fazenda.