O ex-jogador do Brooklyn Nets, Jason Collins, que fez história ao sair do armário em 2013, revelou nas redes sociais que ele e seu namorado, Brunson Green, foram infectados com o coronavírus.

Em uma publicação nas redes sociais,  ele escreveu: “Testei positivo para COVID-19. Acredito que o contrai durante uma viagem a Nova York no início do mês para o jogo noturno do Brooklyn Nets Pride. Tive meus primeiros sintomas em 11 de março. Dor de cabeça terrível. Alguns dias depois, tive febre e tosse. No sábado, fui ao pronto-socorro, fiz o teste e conversei com alguns médicos sobre o aperto no peito”.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

“Agora estou em casa descansando, mas ainda sinto um pouco de tensão e posso voltar ao hospital hoje mais tarde. No sábado meus pulmões estavam limpos, o que obviamente é bom”, acrescentou.

O ex-jogador ainda fez um alerta em seu post: “Por favor, fique seguro e continue à distância social. Obrigado a todos os profissionais de saúde que são nossos verdadeiros heróis na linha de frente. Por favor, vamos tentar achatar a curva e não sobrecarregar nosso sistema de saúde”.

A mensagem atraiu uma enxurrada de apoio e votos de melhoras. A lenda do tênis Billie Jean King escreveu: “Pensando em você e rezando por uma rápida recuperação!”. A quadrinista, Dana Goldberg comentou: “Melhore, Jason! Obrigado por informar o público!”. O ativista democrata Douglas Emhoff, marido da ex-candidata presidencial Kamala Harris, escreveu: “Jason, Kamala e eu enviando nosso amor a você e a toda a família. Fique forte”.