O ator pornô gay Casey Jacks morreu aos 29 anos de idade. Seu agente, Chris Crisco, confirmou a notícia no Twitter.

Muitos amigos, colegas e fãs responderam e ofereceram suas condolências. Crisco disse: “É com um coração muito pesado que eu escrevo isso. Casey Jacks faleceu ontem. Seu irmão acabou de confirmar a notícia.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Sempre me lembrarei de seu sorriso contagiante e de sua incrível personalidade. Por favor, ore por Casey hoje. Eu conheço sua família #choicetalent e sentirei muito sua falta”.

Muitos amigos afirmaram nas redes sociais que Jacks morreu por suicídio, embora a hipótese não tenha sido confirmada. 

Ele era relativamente novo na indústria de filmes adultos gays, tendo começado em 2016, quando filmou sua primeira cena com Reality Dudes. Ele então trabalhou para Corbin Fisher, e foi uma grande estrela para muitos grandes estúdios. Jacks também apareceu em filmes para o Next Door Studios, Men.com, Falcon Studios e Hot House.

VEJA TAMBÉM:  Armond Rizzo denuncia que ativos ganham mais que passivos no pornô: “Injustiça!”

Infelizmente a morte prematura não é uma realidade incomum na indústria do pornô. O ator Boomer Banks lamentou a morte do amigo e falou sobre o assunto: “Estou inconformado! Como continuamos a deixar nossos colegas se sentirem tão sozinhos ao ponto de acabarem com a própria vida?”.

Para citar alguns exemplos de mortes prematuras na indústria pornô, em outubro do ano passado faleceu Kyle Dan aos 21 anos, em junho Dave Slick. A estrela do BrokeStraightBoys, Tyler White, de apenas 25 anos, foi encontrada morta no mesmo mês.

É urgente a discussão nesta indústria acerca da saúde mental, casos de depressão e apoio aos seus profissionais.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).