Quem assistiu ao filme “Rocketman“, que retrata parte da história de vida e carreira de Elton John, sabe que o cantor não tem um relacionamento fácil com sua mãe.

Agora, prestes a lançar um livro de memórias, o jornal britânico “Daily Mail” teve acesso a trechos da publicação onde Elton explica os motivos que fizeram com que ele e sua mãe, Sheila, ficassem sete anos sem se falar.

No livro, batizado apenas de “Me” (“Eu”), Elton revela que sua mãe nunca soube lidar direito com sua sexualidade e que após o nascimento do seu primeiro filho, Zachary, em 2010, ela começou a se afastar cada vez mais e não tinha o menor interesse em conhecer a criança.

Na época do nascimento de Zachary, um jornalista chegou a questionar Sheila sobre o fato dela não ter ido ver seu primeiro neto. Ao que ela respondeu que “não estava incomodada e que nunca gostou de crianças“.

O desinteresse continuou mesmo após o nascimento de Elijah. Nascido em janeiro de 2013, Elijah foi o segundo filho de Elton com seu marido David Furnish.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:
(Photo by Michael Kovac/Getty Images for EJAF)

Elton e David oficializaram a união em 2005 e o cantor relata também que foi a partir desse momento que a relação com sua mãe começou a piorar:

Desde a nossa cerimônia de parceria civil, algo nela mudou muito, ou pelo menos foi amplificado. Ela parecia se esforçar para me dizer o quanto odiava o que eu estava fazendo ”, explica Elton.

Em trechos da publicação, ele também afirma que muitas vezes explodia com Sheila e que tê-la por perto era como “convidar uma bomba relógio para almoçar“.

Outro motivo curioso que fez parte do combo de motivos que provocaram o rompimento dos dois, foi a saída de Bob Halley da equipe de trabalho de Elton.

Halley trabalhava com Elton desde 1970. Sua mãe gostava dele e os dois se davam bem. No entanto, quando Elton começou a trabalhar com uma nova equipe de gerenciamento que queria ajudá-lo a reduzir os custos da turnê, ele diz que Halley discordou das propostas e acabou se demitindo. Ao que Elton, em um ataque de fúria, disse apenas “tudo bem”.

Mamãe ficou extremamente chateada quando soube que Bob havia saído – eles sempre se deram bem. Ela não queria ouvir minha versão dos fatos e me disse que Bob tinha sido mais um filho para ela do que eu. Foi então que ela soltou: ‘Você se importa mais com essa coisa que você se casou do que com sua própria mãe.'”, explicou ele.

Essa ligação foi a gota d´água e a última vez, em sete anos, que eles iriam se falar:
Não nos falamos novamente por sete anos depois dessa ligação. Chega um momento em que você percebe que está batendo a cabeça contra a parede“, comentou.

Apesar de continuar a apoiar financeiramente sua mãe, Elton soube mais tarde que ela leiloou muitos dos presentes que ele havia lhe dado, incluindo jóias exclusivas.

Os dois começaram a conversar novamente no início de 2017. Ela o visitou em sua casa, mas ainda não queria ver seus filhos.

Mesmo com um relacionamento conturbado, ele também conta no livro que a morte de Sheila foi um baque enorme para ele.