Telespectadores britânicos se apaixonaram por um homem gay com síndrome de down que revelou sua sexualidade no documentário Home Free do canal Channel 4 do Reino Unido.

A obra mostra a vida de pessoas com dificuldades de aprendizagem ao saírem de casa pela primeira vez.

Os espectadores rapidamente se interessaram pela vida de um dos personagens mostrados: Curtis, um rapaz de 27 anos que vive em Londres e ganhou uma legião de fãs na Internet depois que sua mãe revelou sua atração por homens, em especial os rapazes com barba, como ele mesmo reconhece.

“Curtis, ele é definitivamente gay. Ele não consegue esconder sua atração por homens barbudos”, disse ela. Em uma cena, Curtis declara sinceramente seu amor por um homem no café em que trabalha: “Você sabe como eu quero me casar com você. Você é meu namorado”, diz ele.

Mas, apesar de seu entusiasmo, sua mãe explicou que Curtis tem lutado para entender completamente sua sexualidade – porque ele simplesmente ama a todos os rapazes barbudos que conhece.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

“Curtis é um homem gay. Mas ele ama todo mundo – ela disse. “A confusão não é sobre sua sexualidade, é sobre como ele lida com pessoas fazendo suposições sobre elas. Ele realmente sabe que não curtiria estar com uma garota”.

Curtis caiu nas graças da audiência do documentário.

O documentário mostra Curtis recebendo atenção de mulheres interessadas nele em uma discoteca, o que o confunde. Ele então diz à uma amiga: “Pediria que ela fosse minha namorada, mas não gosto de garotas. Gosto só de homens, não de garotas. Eu não quero namorada e me sinto só”, confessa o rapaz em um trecho do documentário.

A mãe então reconhece em um outro momento: “Simplesmente não apareceram homens suficientes em sua vida ainda. Tivemos algumas conversas sobre se ele está pronto para namorar, mas talvez esse seja o próximo passo. “

Felizmente, seu irmão Deus tem a solução pra isso: Tinder. Ele intervém e ajuda Curtis a criar um perfil de namoro online para encontrar rapazes.

gay down's syndrome
O irmão de Curtis o ajuda a fazer um perfil no Tinder para encontrar pretendentes.

“Ele está pronto para um relacionamento. É tudo sobre o que ele fala”, disse Degs. “Ele quer um namorado há cerca de dez anos.”

E a julgar pela popularidade online, Curtis não precisará esperar muito. Logo após a exibição do programa, o Twitter foi inundado por fãs que declararam Curtis um “ícone gay”. Veja alguns comentários abaixo:

“Curtis de #HomeFree é um ícone gay! Ele e seu perfil no Tinder são um máximo!”

“Não me aguentei com esse episódio de #HomeFree. Curtis é o cara mais fofo e engraçado do mundo! Me faz sorrir!”

“Curtis é maravilhoso e sua mãe também o apoiando! Muitos homens te fariam feliz e você vai encontrar quando menos esperar! Time Curtis! #HomeFree”.

Tiremos o chapéu para o Canal 4 para conscientizar as pessoas com deficiência LGBTs.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).