Em entrevista à Vulture, o diretor do filme Marcas do Destino, que trouxe Cher no elenco, direcionou várias críticas à cantora.

Além de criticar sua atuação, ele revelou que Cher tem pavor de homens e simplesmente não confia neles.

“Ela não confiava em ninguém, principalmente homens. Tem pavor!”, disse ele.

Já sobre a atuação da cantora, o diretor fez críticas pesadas, dizendo que ela simplesmente não sabe atuar: “Ela não sustenta uma cena! Só ganhou o prêmio de melhor atriz em Cannes porque eu a filmei muito bem”.

Na mesma entrevista, ele ainda declarou sobre Cher: “Seus olhos carregam a tristeza do mundo. Quando você a conhece, descobre que é autopiedade, mas, ainda assim, isso se traduz em filmes. Eu filmei mais close-ups dela do que qualquer filme que já fiz”, disse Peter.


Assista também:


É sacrilégio que chama, né quando se fala mal de Deus?

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).