Recentemente, a cantora Demi Lovato lançou um de seus trabalhos musicais mais sensíveis e polêmicos de sua carreira, o single e álbum “Dancing With The Devil”, e em entrevista no programa da atriz Drew Barrymore, Demi, que se assumiu pansexual recentemente, comentou um pouco sobre sua saúde mental e carreira.

A cantora relatou que está colocando-se como prioridade na vida. “Estou me colocando como prioridade antes da minha carreira, e isso é algo que nunca fiz antes, porque estava tão preocupada tentando ser uma popstar sexy que ignorei quem eu sou”, contou Lovato.

Demi Lovato conta sobre album
Demi Lovato e novo visual (Foto: Reprodução)

Em 2018, a cantora sofreu uma overdose gravíssima e uma parada cardíaca, tendo em vista que a mesma já tinha problemas com uso de entorpecentes. Após episódios sombrios, a cantora relatou as experiências em seu novo álbum.

“Eu estava tentando algo que não funcionou para mim. Agora estou fazendo algo que está funcionando para mim e, em vez de me sentir julgada por todos, vou apenas dizer: ‘olhe, sua opinião sobre mim não importa para mim’. Estou fazendo o que preciso para meu bem-estar”.

Por fim, Lovato falou sobre a mudança de seu visual, explicando que o cabelo curto simboliza liberdade com relação às normas de gênero e sexualidade que lhe forma impostas socialmente. “Quando cortei meu cabelo, me senti tão liberta, porque não estava aderindo a um ideal ou crença colocada sobre mim para ser algo que não sou. E agora que sou a dona de quem sou, sinto-me mais feliz do que nunca e isso é porque estou sendo honesta”, disse Demi Lovato.