O cantor britânico Sam Smith pediu na sexta-feira (13) para ser referido sempre nos pronomes de gênero neutro da língua inglesa ‘they’ e ‘them’, citando “uma vida inteira de guerra com meu gênero”.

Sam Smith abriu o coração em maio sobre sua identidade de gênero como pessoa não binária, ou seja, que não se identifica necessariamente como homem ou como mulher, podendo inclusive transitar entre os gêneros.

“Hoje é um bom dia então lá vamos nós. Eu decidi que estou mudando meus pronomes para ‘they/them’. Depois de uma vida inteira em guerra com o meu gênero, eu decidi me abraçar por quem eu sou por dentro e por fora”, começou.

“Eu estou muito feliz e sou privilegiadx por estar cercado de pessoas que apoiam as minhas decisões, mas eu estive muito nervosx em relação a anunciar isso porque eu ligo muito para o que as pessoas pensam, mas, dane-se! Eu entendo que vão ter muitos erros mas eu peço que vocês tentem, por favor. Espero que vocês consigam me ver do jeito que eu me vejo agora. Obrigadx”, disse.

Smith disse que é cedo demais para explicar “o que significa ser não-binário”, mas o anúncio acontece seis meses depois que o cantor se anunciou nas redes sociais como “nem masculino nem feminino”, mas flutuando “em algum lugar no meio”.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Sam Smith se junta a um número crescente de pessoas que desejam ser tratadas pelos pronomes neutros, incluindo Jill Soloway, a criadora da série de temática transgênero Transparent, e a atriz da série Billions Asia Kate Dillon.