A cantora Daniela Mercury beijou sua esposa, a jornalista Malu Verçosa, na Câmara dos Deputados, em Brasília, na última terça-feira (25). Ela esteve presente no local para acompanhar a sessão solene em homenagem aos 50 anos do Levante de Stonewall.

Daniela usou sua conta oficial no Instagram para postar um vídeo do momento. “Nosso beijo dentro da Câmara Federal é símbolo de amor e de luta. Eu e @maluvercosa viemos ser homenageadas e viemos pedir ao Congresso que legisle a favor da comunidade LGBTIQ+. Somos todos brasileiros!!!!”, escreveu ela.

O beijo aconteceu durante um discurso que a cantora preparou para o evento. Na ocasião, ela falou um pouco sobre a época em que se assumiu. “Antes eu era casada com homens e, quando eu me casei com Malu, perdi todos os meus direitos. Direito de me casar com ela, direito de colocar o nome nas minhas filhas. Vocês entendem a inversão?”, questionou.

Ela também comentou sobre a necessidade da população continuar cobrando os poderes públicos e da importância da Parada do Orgulho LGBTQ em São Paulo.  

“Nos marginalizaram, nos discriminaram e continuam a fazer isso. Claramente! E na luz do dia, em um país democrático, em 2019. Precisamos de muitas rebeliões, de muitos stonewalls, de muito movimento contínuo da sociedade para que a democracia se efetive e se equalize no direito de todos”, ressaltou a artista.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

A esposa de Mercury, Malu Verçosa, aproveitou o momento para chamar a atenção aos direitos conquistados nos últimos anos. “Poucos meses depois que a gente estava junta, anunciamos para o mundo que estávamos casadas, mas não podíamos casar”, lembrou Malu.

“E aí o CNJ nos deu a possibilidade de nos casarmos no civil e assim o fizemos. Não porque precisássemos daquilo para nos sentirmos casadas, mas porque nosso casamento foi um ato político”, afirmou. 

Daniela se assumiu lésbica em 2013 e, desde então, é uma forte voz na luta pelas causas da comunidade LGBTQ+. Ela é casada com Malu, com quem tem três filhas.