Era 2007 quando o ex-RBD Christian Chávez foi forçado a sair do armário após ter fotos suas se casando com seu ex-marido William John Murphy divulgadas pela imprensa.

Em um comunicado oficial, o cantor revelou que estava sendo chantageado com essas fotos que foram feitas em 2005, no Canadá.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Mais de 12 anos se passaram, e em entrevista ao programa Mónica y el Sexo, Christian relembrou sobre os momentos difíceis que passou após ter se assumido gay.
O cantor contou que adquiriu depressão durante alguns anos e até chegou a pensar em suicídio.

Em 2013, ele chegou a postar uma foto no twitter onde aparecia deitado no chão com os pulsos cortados. O episódio causou pânico nos fãs de RBD. Na época ele foi socorrido por Anahí, uma das integrantes do grupo.

VEJA TAMBÉM:  Adolescente gay chinês faz postagem comovente de suicídio na Web

Após esse episódio, Chávez foi internado em uma clínica de reabilitação.

Hoje amo o que sou. Hoje agradeço a Deus por ter nascido gay. Não mudaria isso por nada no mundo, pois me amo e porque sei que tudo que consegui foi por causa dessa parte minha que tanto tentei negar, mas que com o passar do tempo me deu muitas lições e enormes satisfações“, declarou Christian.

Christian Chávez segue investindo na sua carreira de cantor e, além dos fãs, ele também comentou que um dos seus principais motivos pra sorrir tem sido sua sobrinha, Galia.