O mito do idoso sábio definitivamente precisa ser desconstruído! Abordado por fãs ao sair de uma churrascaria em São Paulo, o apresentador do SBT, Raul Gil, acabou falando demais sem perceber que estava sendo gravado.

Se trata da segunda gafe do comunicador em menos de uma semana. Recapitulando o primeiro constrangimento: alguns dias atrás, ao comparecer no Teleton ao vivo, Raul defendeu gratuitamente o presidente Jair Bolsonaro das críticas atuais… Algo completamente sem sentido em um evento beneficente que não tem nada tem de lado político ou qualquer cunho do tipo.

Na ocasião, o apresentador foi interrompido por Maisa Silva a pedido da produção, que desesperada, tentava fazê-lo parar. Logo após, sua saída foi solicitada pela produção tamanho o climão causado.

Segundo informações do portal da revista Isto É, e que também já circulam por toda imprensa, a turma que o abordou na Churrascaria nesta semana gravando a conversa, começou perguntando sobre a polêmica no Teleton, ao que o apresentador afirmou:


Assista também:


“O que acontece é que me chamaram para ficar lendo. Eu gravo sete, oito horas de programa e não leio porra nenhuma, vem tudo da minha cabeça. E faço isso há 50 anos. Eu falei no ar que os ladrões estavam presos, aqueles que levavam dinheiro das crianças… Disse que tínhamos que ajudar o novo presidente porque não adianta, ele já ganhou. E falei que estávamos esperando a doação dele [Bolsonaro]. Os caras ficaram putos.”

O pior foi como Raul, logo após, se referiu à Maisa. A garota, que surgiu em um programa de calouros do apresentador quando ainda era muito criança, sempre foi muito elogiada por ele no ar. Mas parece que agora a máscara caiu.

Raul Gil teria afirmado sobre ela: “Quando falei do Bolsonaro [no Teleton], gritaram para a Maísa interferir. Ela entrou no meio e se fo***. Por quê? Porque ela entrou e a criançada queria que eu continuasse no palco. Enfim, aquela bostinha, se não fosse por mim, não existia. Ela começou comigo”, afirmou o apresentador.

O show de ofensas não parou por aí. Raul Gil ainda agrediu o marido de Claudia Leitte em uma tentativa de defender Sílvio Santos das acusações de assédio da cantora quando o dono do SBT ficou dizendo no palco do Teleton gratuitamente que ela o deixava excitado.

Raul teria dito: “Eu conheço o Silvio desde 1961. O que aconteceu? Ele foi lá e fez uma cagada com a Claudia Leitte, aí explodiram todas as confusões. Aquele filho da puta do marido da Claudia Leitte deve ter dado corda pra aumentar a confusão”.

Mais do que na hora de alguém pegar o seu banquinho e sair de mansinho, né não?

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).