Em agosto deste ano, Matty Healy, líder da banda britânica The 1975, desafiou as leis anti-LGBT de Dubai e beijou um homem durante seu primeiro show no país. No entanto, a atitude não teve uma boa repercussão.

Desde então, muitos fãs têm perguntado ao artista nas redes sociais, se ele não pensou que pode ter exposto o fã a algum tipo de perigo, já que, no país, a homossexualidade é atualmente ilegal e punível com até 10 anos de prisão.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

De acordo com o Dailymail, o artista comentou sobre o caso e disse: “Ele [o fã] estava entusiasmado com o momento e me falou até que tinha sido a melhor noite da sua vida. Muita gente veio me falar merdas no Twitter sem saber o que de fato aconteceu”, explicou. E completou: “Meus shows são sempre gays, aquele foi o show mais gay da minha vida”, completou.

VEJA TAMBÉM:  Little Mix desafia leis homofóbicas de Dubai e expõe Bandeira LGBT em show; assista

Vale ressaltar que, na época da apresentação, a banda precisou sair as pressas do país, logo após o beijo ter sido compartilhado em vídeos na internet.