A atriz Amber Riley, do seriado Glee, se pronunciou pela primeira vez – e última conforme adiantou – sobre o episódio recente da acusação de racismo à protagonista da série, Lea Michele, feita pela também atriz de Glee, Samantha Marie Ware.

Em uma live no Instagram com a influenciadora digital Danniele Young, Amber falou sobre ter respondido o tweet de Samantha para Lea com um gif irônico: “Não sei como falar sobre isso porque não sou vingativa e nem mesquinha. Minha resposta no Twitter foi só porque sou uma palhaça e achei que seria engraçado”.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Em seguida, ela elogiou a atitude de Samantha em ir tirar satisfação com Lea: “Tenho orgulho dela ter se imposto. Falei com Samantha por FaceTime. Tenho orgulho dela ter falado a sua verdade, de ‘não deixar uma pessoa entrar no movimento agora sendo que não a tratou direito lá atrás’”.

Entretanto, Amber disse que não vai se posicionar se Lea foi racista ou não: “Não estou confirmando isso. Isso foi o que assumiram, mas não vou tomar partido. Até porque ela está grávida e acho que isso pode estressa-la neste momento. Ela já está sendo muito criticada”.

VEJA TAMBÉM:  Ken Humano é ameaçado de expulsão do Big Brother inglês após usar termo racista

Por fim, a cantora e atriz explicou porque não lhe importa tanto assim o episódio de Lea: “Desejo o bem para Lea, espero que ela tenha crescido e entendido. Não converso com ela há dois anos. Minha vida não é sobre isso. E há pessoas morrendo, sendo assassinadas pela polícia, mulheres trans sendo assassinadas nas mãos de homens. Este é o foco”.

Veja um trecho da live abaixo:

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).