Na madrugada do dia 1º de janeiro, Madonna surpreendeu os fãs surgindo de surpresa no bar LGBT de Nova Iorque (EUA), o famoso Stonewall Inn. Sua aparição ocorreu porque ela é embaixadora das comemorações dos 50 anos da Revolta da Stonewall, movimento que deu origem a luta pelos Direitos LGBT no mundo.

Bar LGBT “Stonewall Inn” em Nova Iorque, nos Estados Unidos.




A diva fez um belo e emocionado discurso assim que subiu no palco, o qual dizia:

“Eu estou aqui, orgulhosamente, no lugar onde o orgulho começou, o lendário Stonewall Inn, no nascimento de um novo ano. Nos reunimos hoje à noite para celebrar 50 anos de revolução. Nunca vamos nos esquecer dos motins de Stonewall e daqueles que se levantaram e disseram “BASTA”. Meio século depois, Stonewall se tornou um momento decisivo e um ponto crítico na história.

Se realmente nos dermos um tempo para nos conhecermos, descobriremos que todos nós sagramos da mesma cor. Todos precisamos amar e ser amados. Vamos nos lembrar de quem e o que é essa luta – de nós mesmos, um pelo outro. Mas, verdadeiramente e ainda mais importante, pelo que estamos lutando? Vamos levar um minuto para refletir sobre como podemos levar mais amor e paz para 2019, vamos ver como podemos fazer atos aleatórios de bondade. Talvez possamos encontrar uma abertura para levar luz. Você está pronto para fazer isso? ”

A cantora teve a companhia de seu filho, David Banda, de 13 anos, e juntos cantaram seu sucesso ‘Like a Prayer’ e “Can’t Help Falling in Love”, de Elvis Presley.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

‘Eu passei pelo selvagem…No camarim de Stonewall Inn. 2019 chegou com um estouro”, escreveu na legenda de uma das fotos que compartilhou em seu perfil oficial no Instagram sobre o momento.

No próximo dia 30 de junho deste ano, irá ocorrer a WORLD PRIDE em Nova Iorque, justamente para comemorar meio século da Revolta de Stonewall, a qual é considerada o marco contemporânea na luta pelos direitos LGBTs.

Maikon Stefan
Amante do teatro, tv e de Harry Potter, formado em Técnico em Administração e Bacharel em Ciência e Tecnologia (UNIFESP-SJC). Atualmente cursa Engenharia de Materiais (UNIFESP-SJC). Também foi Presidente da Empresa Júnior (Ectm Jr). "Me chama pra causar que eu vou".