A eterna rainha dos baixinhos Xuxa foi duramente criticada nas redes sociais ontem (26) por uma fala ao participar de um bate-papo ao vivo da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), onde se debatia os direitos dos animais.

Infelizmente, a ativista vegana não demonstrou a mesma empatia que tem com os animais com seres humanos. Xuxa sugeriu que pessoas que se encontram presas fossem usadas de cobaias em testes de remédios e vacinas, substituindo o uso de animais nestas funções.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

“Acho que, com remédios e outras coisas, eu tenho um pensamento que pode parecer muito ruim para as pessoas, desumano… Na minha opinião, existem muitas pessoas que fizeram muitas coisas erradas e estão aí pagando seus erros para sempre em prisões, que poderiam ajudar nesses casos aí, de pessoas para experimentos”, disparou Xuxa.

VEJA TAMBÉM:  Xuxa é capa da Marie Claire de março em homenagem ao dia da internacional da mulher

E continuou: “Acho que pelo menos serviriam para alguma coisa antes de morrer, para ajudar a salvar vidas com remédios e com tudo. Aí vem o pessoal dos Direitos Humanos e dizer que não podem ser usados. Mas se são pessoas que está provado que irão passar sessenta, cinquenta anos na cadeia e que irão morrer lá, acho que poderiam usar ao menos um pouco da vidas delas para ajudar outras pessoas. Provando remédios, vacinas, provando tudo nessas pessoas”

Assista ao momento abaixo:

A fala surpreendeu a muitos – uma vez que Xuxa costuma ser sensata e progressista – e caiu como uma bomba na web e ativistas dos Direitos Humanos e influenciadores se posicionaram contra, lembrando que no Brasil não há prisão perpétua e mesmo assim isso não justificaria o ato por desrespeitar a dignidade humana destas pessoas ao transformá-las em cobaias.

VEJA TAMBÉM:  Xuxa revela que aprendeu levantar bandeira contra a discriminação com sua mãe

Acima de tudo, em um país desigual e segregado social e racialmente como é o Brasil, a medida iria punir diretamente a população negra, maior parte dos encarceirados, a maioria ainda sem julgamento e condições de defesa para saírem da prisão ou serem julgados.

Xuxa é criticada em live da Alerj. (Foto: Reprodução / Instagram)
Xuxa é criticada em live da Alerj. (Foto: Reprodução / Instagram)

“Desumana a defesa da Xuxa no InstaAlerj de q remédios tem q ser testados em presidiários pq “Serviriam p/ alguma coisa antes de morrer”. 40% de presos s/ sentença, e mais de 60% são negros no BR. Pessoas sob responsabilidade do Estado não são cobaias destinadas à morte”, disse a deputada estadual Renata Souza (PSOL – RJ) no Twitter sobre o assunto.

Já o internauta Felipe Oliveira afirmou: “Essa fala da Xuxa aí de testar remédio e vacina em presidiários, feita super numa boa, cheia de boas intenções, como se fosse super ok, serve para provar o que a gente sempre diz e a galera se exalta: a nossa elite vive de pequenos fascismos e não vê o menor problema nisso.”

VEJA TAMBÉM:  Xuxa vence processo contra PM que criticou livro LGBT infantil

Atualização: Xuxa publicou um vídeo reconhecendo erro e com pedido de desculpas por sua fala. Assista a abaixo:

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).