Enquanto o julgamento que promete criminalizar a homofobia e transfobia no país que mais mata LGBTs segue a passos lentos, mais casos de vítimas de homofobia correm o país de norte a sul.

Na manhã de ontem (14), no município de Santarém, no Pará, um jovem de 18 anos foi encontrado inconsciente em um terreno baldio. Segundo informações divulgadas, o mesmo estava trajando apenas uma camisa e despido da cintura para baixo.

Davi Silva Amaral, de 18 anos, LGBT, estudante, jovem e com toda uma vida pela frente entra para as estatísticas de vítimas de homofobia no país. O jovem foi encontrado com ferimentos graves na cabeça e socorrido; apesar disso, o estado do mesmo é gravíssimo.

Um amigo, que prefere não ter seu nome divulgado, informou ao G1 de Santarém, que o mesmo teria saído para beber com amigos na noite do último dia (13) e que por volta da 1h da madrugada se falaram por telefone. O amigo acredita que Davi tenha sido abordado pelos seus agressores no caminho de casa.

#ÉCrimeSim #CriminalizaSTF

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA: