O vereador Paraense, Daniel do Abade, foi preso em Curuça suspeito de estuprar uma jovem de 15 anos. A prisão ocorreu no dia 23/10, em um posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), em Castanhal. De acordo com a Policia Civil, foram levantadas provas materiais como áudios, vídeos e testemunhas que comprovaram a autoria do crime.

Vereados estupra menina de 15 anos
reprodução: twitter

Em dezembro de 2019, o vereador de Curuçá, Daniel Rabelo fez uma publicação em suas redes sociais a respeito da parada LGBTI+ realizada na região, onde o mesmo acusava o evento de ser imoral e o “fim do mundo”, logo em seguida a publicação foi apagada, mas temos prints.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:
Vereador homofobico
reprodução: facebook

Na época, internautas demonstraram indignação com a declaração do politico, que logo em seguida gravou um vídeo rebatendo onde dizia apenas expressar seu direito de opinião.“É direito meu também”, e seguiu com declarações polêmicas. “É absurdo apagarem a postagem de uma pessoa que está ali se manifestando de forma passiva. Eu tenho muitos amigos viados, mas que são viados de verdade, não são vândalos que querem aparecer” mostrou o G1. Aparentemente não é a comunidade LGBTQI+ que é imoral, não é mesmo?

VEJA TAMBÉM:  Ao ter encontro recusado, homem quebra o nariz de lésbica