A Apple é uma das maiores empresas de tecnologia do mundo. Tim Cook, o CEO da companhia e principal representante é abertamente gay e afirmou em entrevista à CNN no último dia 24, que “este foi o melhor presente de Deus para ele”.

Perguntado pelo jornalista se tem orgulho de ser gay, ele afirmou: “Sim, muito orgulho! Absolutamente! Pra mim, foi o melhor presente de Deus!”.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Tim explicou sua visão dizendo que, depois que se assumiu gay publicamente em 2014, nunca mais parou de receber mensagens de pessoas que eram discriminadas ou viviam no armário, o agradecendo pela inspiração e força.

“Eu me assumi publicamente primeiramente porque lia histórias de crianças que sofriam com isso, que eram alvo de violência, bullying, achavam que suas famílias e nem ninguém as amariam, eram expulsas de casa, tentavam suicídio… Tudo isso pressionou meu coração a tomar esta atitude na época”, afirmou Tim.

VEJA TAMBÉM:  “Já namorei homens”, diz Reynaldo Gianechinni falando pela 1a. vez sobre sexualidade

“Foi quando pensei: Quer saber? É egoísta eu ficar nesta postura limitando somente a conhecidos saberem quem sou. Preciso ser maior que isso e fazer algo pra mostrar para as pessoas por aí que você pode ser gay e ter um grande emprego na vida sim, que existe um caminho pra você!”, disse.

E foi justamente o que Tim Cook fez sendo o principal nome da maior companhia de tecnologia do mundo ao sair publicamente do armário em 2014.

Na mesma entrevista, ao ser perguntado sobre a nova proposta de lei anti-trans do presidente Donald Trump, ele afirmou: “Minha opinião é de que todas as pessoas merecem ser tratadas com consideração, dignidade e respeito. É assim que eu vejo as pessoas acima de diferenças políticas, religiosas, étnicas ou de questões de identidade de gênero ou orientação sexual.”

VEJA TAMBÉM:  Piloto de avião salva vida de homem gay ao recusar levá-lo de volta ao Nepal
Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).