Na tarde da última segunda-feira (09), os apresentadores do vespertino Fofocalizando colocaram em discussão a questão do beijo gay nas novelas, mesclando com a polêmica da Bienal, após a tentativa de censura do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella.

De forma bem coerente, Lívia Andrade se manifestou sobre o assunto. “Se policiam beijo gay, façam o mesmo com héteros”, disparou ela. E completou: “Beijo só escandaliza quando é aqueles beijões avassaladores, independentemente de quem está beijando. Seja homem [hétero ou gay], seja mulher [hétero ou gay]”, afirmou.

A apresentadora ainda contou com o apoio do jornalista Leão Lobo que complementou: “Eu sou contra qualquer tipo de censura. Isso que eles estão fazendo se chama censura”, finalizou o veterano.