Sark se tornou o último território das Ilhas Britânicas a legalizar o casamento homoafetivo. As primeiras uniões já estão programadas para o início do próximo ano.

As Ilhas Britânicas são um grupo de ilhas situado ao largo da costa noroeste da Europa continental, que consiste da Grã-Bretanha, da Irlanda, e de muitas ilhas adjacentes às duas maiores. 

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

A ilha de Sark, integrante da região, tem uma população de cerca de 610 habitantes e era o último lugar remanescente nas Ilhas Britânicas sem casamento entre pessoas do mesmo sexo depois que a Irlanda do Norte legalizou a igualdade neste ano.

Em outubro, Sark votou na lei que permite o casamento igualitário, que foi aprovada oficialmente pelo presidente na terça-feira (17 de dezembro).

“O reconhecimento legal da união entre pessoas do mesmo sexo é uma questão importante e que Sark deve abordar para que seja considerada como uma jurisdição que leva a sério a igualdade”, disse o presidente.

VEJA TAMBÉM:  O crime de Mc Gui | Direito

Ele, é claro, ainda lembrou do pink money além da questão humanitária e de igualdade: “A ilha o local perfeito para um casamento. Quanto mais pessoas trouxermos para cá, melhor. ”

Vale lembrar que, embora o casamento entre pessoas do mesmo sexo agora seja legal em todas região das Ilhas Britânicas, ele ainda é ilegal nos Territórios Ultramarinos Britânicos de Anguilla, Ilhas Virgens Britânicas, Ilhas Cayman, Montserrat e Ilhas Turks e Caicos, localizadas no Oceano Atlântico.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).