Sangalo Schneider, uma cabelereira de 33 anos, foi a primeira participante trans do reality show cearense Glitter, em 2012, e agora simplesmente estrelou uma campanha publicitária da cerveja Legítima.

Em entrevista ao portal O POVO, a artista diz que “todo mundo” é seu público (desmistificando a ideia de que somente a comunidade LGBT+ curte o trabalho de drags e trans).

Sangalo Schneider disse: “É o que eu sempre tenho comigo: quem era Sangalo? Só um panfleto e hoje é um outdoor. O sentimento é pura gratidão, de poder somar, contribuir e fazer brilhar mais essa nossa comunidade maravilhosa”.

Ela continua: “O que mais me move é justamente isso, o amor e o carinho que recebo dos fãs, dos amigos e familiares também. Eles me chamam de rainha e eu digo: sou a rainha de vocês.”

Sangalo Schneider diz que nunca se imaginaria sendo “essa coisa toda” e que não esperava essa repercussão tão grande. “Agora são homens, policiais, são famílias, todo tipo de gente que para e fala comigo e não me chamam de “viado” ou coisas assim, agora sempre pedem para tirar foto e é sempre “a menina da propaganda”, “a moça da cerveja”.