A cantora trans Danny Bond, um dos mais novos expoentes no cenário musical LGBT+, afirmou no seu Twitter, na última quarta (11/11), que é homofóbica. Pois é, a declaração surgiu após ataque recebido inbox, em resposta, a cantora deu a infeliz declaração.

Danny Bond disse a frase para responder uma mensagem que ela teria recebido em que um homem afirma que o avião que ela tomaria, aparentemente, de Maceió para São Paulo, iria cair.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Danny Bond

Bond, que se mudou para a capital paulista nesse dia, afirmou na imagem do comentário: “Aí depois vocês perguntam porque eu sou homofóbica” logo printado e viralizado nas redes. A cantora apagou logo depois, mas deixou suas reações ao caso.

Danny disse não se importar com a repercussão de sua declaração e que não se importa também com os cancelamentos (mas apagou o post original por quê?).

Lembrando que expressões como “Odiar gay tem deixado de ser homofobia e tem se tornado inevitável”, “Um gay vai estragar meu dia” são manifestações de ódio e podem incitar mais ainda a violência contra pessoas LGBT+. Close errado, Danny.