Uma nova placa onde se lê “NO GAYS ALLOWED” (“PROIBIDO GAYS”) foi instalada na rua icônica Times Square.

Segundo a NBC, o luminoso foi instalado na última terça-feira e deve ficar lá até fevereiro. Tá indignado? Calma. Não é bem o que parece.

A iniciativa se trata de um protesto contra a Alliance Defending Freedom (ADF) e leva ao site NoGaysAllowed.org, onde tudo é explicado.

No site, podemos ver exposta uma lista de propostas de lei ultra-conservadoras contra LGBTs da ADF, a maioria sob argumento de uma suposta liberdade religiosa, é claro.

O site alerta ironicamente expondo os falsos cristãos e verdadeiros fiscais de c*: “ADF se opõe a igualdade LGBT e quer tornar estes, cidadãos de segunda classe. Estamos tentando legalizar a discriminação contra pessoas LGBT em planos de saúde, serviços de casamento, ambiente de trabalho e locais públicos.”

Placa na Times Square.

E continuam: “A ADF também é a favor de se colocar pessoas LGBTs na cadeia por serem honestas sobre sua sexualidade”.


Assista também:


Um vídeo no site ainda acusa a ADF de tentar invisibilizar pessoas LGBTs usando religião como desculpa para preconceito.

Um grupo de ativistas chamado Citizens for Transparency é o responsável pela iniciativa e lembrou à NBC: “Queremos alertar as pessoas de que ainda existem muitos contra os direitos e igualdade da nossa comunidade. ADF lidera estas iniciativas há muito tempo, já tendo gasto milhares de dólares contra a comunidade LGBT.”

O recado irônico na placa de fato chamou atenção a causa, mas é claro, confundiu muitas pessoas. Nas redes sociais houve muitas reclamações.

Um tweet afirmou: “Queria saber como o Citizens for Transparency quer combater a homofobia usando o mesmo discurso de ódio em uma placa que usam os que acreditam nesses mesmos discursos de ódio”.

E não deixa de ter razão, né? É realmente questionável e o tiro pode facilmente sair pela culatra…

Em tempo: Vale lembrar que líderes da organização ultra-conservadora e contra direitos LGBT, ADF, já tiveram denúncias de envolvimento em casos de pedofilia. Por que a gente não se surpreende?

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).