Ivan Baron, de 23 anos, lançou em suas redes sociais a série ‘Minha Vida com Paralisia Cerebral’. Com pequenos vídeos, o jovem, influencer da inclusão, divide com seus seguidores sua rotina e vivência de forma divertida e educativa, quebrando a barreira do preconceito e capacitismo.

“Eu percebia que as pessoas, ao olharem meu perfil, ainda ficavam com dúvidas de qual era o tipo da minha deficiência. Muitas achavam que era apenas física, outras pensavam que tinha sido um acidente, devido ao uso da bengala. E, de fato, eu nunca tinha parado para falar sobre isso. Era algo tão natural pra mim, mas não para quem me seguia, afinal, eles só me conhecem a pouco tempo e pela lente da internet”, revela o jovem, que teve a ideia de criar a série.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O influenciador, que soma mais de 200 mil seguidores entre Instagram e Tiktok, completa: “Resolvi compartilhar de maneira bem divertida as minhas vivências enquanto Pessoa com Paralisia Cerebral. Vejo que ainda existe muita desinformação sobre nós, preconceito principalmente. O objetivo principal dos vídeos é quebrar isso”.

Ivan Baron: série sobre paralisia cerebral. (Foto: Reprodução / Instagram)

Representatividade

VEJA TAMBÉM:  TikToker gay com paralisia cerebral responde com humor ofensas de seguidores

Nascido no Rio Grande do Norte, Ivan tem levado sua voz para todo o Brasil. Ainda criança, com apenas 3 anos, ele foi acometido por uma grave infecção alimentar que deixou sequelas: a Paralisia Cerebral, ocasionando deficiência física e mobilidade reduzida. Em contrapartida ao esperado, a condição não limitou o potiguar, que seguiu conquistando seu espaço e levantando a bandeira da representatividade.

Hoje além do sucesso nas redes sociais, já palestrou em diversas escolas e, mesmo que não fosse seu objetivo a princípio, tornou- se conhecido como o “influenciador da inclusão”.

“Percebi que a internet era um lugar em que não tinha corpos com deficiência para contarem suas próprias narrativas. Nem passou pela minha cabeça ser um Influenciador, nunca achei que as pessoas teriam vontade de me conhecer ou saber mais sobre Inclusão, e isso tudo era algo plantado pela sociedade capacitista”, conta.

VEJA TAMBÉM:  Ryan O'Connell, de Special, fala sobre carreira e o sexo na vida de pessoas com deficiência

Até que em 2018, em meio a diversos movimento sócio-políticos, Ivan começou a usar suas redes sociais para expor sua opinião e experiências e foi percebendo uma resposta cada vez mais positiva. E no caos de 2020, a carreira deslanchou após um vídeo no TikTok sobre sua máscara inclusiva, com o objetivo de ajudar pessoas com deficiência auditiva a lerem os lábios durante conversas.

Assista abaixo:

paralisia cerebral paralisia cerebral 

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).