A drag queen Pabllo Vittar se pronunciou sobre o recente boicote que está sofrendo o clipe do hit Parabéns no Youtube.

O Conar seria o responsável pela restrição que impôs à plataforma colocar o vídeo como impróprio para menores de 18 anos.

A justificativa alegada? Ter uma cena onde aparece a bebida Skky Vodka, que patrocina o clipe. Segundo o Conar, clipes onde se vê bebida e há patrocínio de marcas do tipo, devem ser restritos para menores de 18 anos.

Acontece que há uma imensidão de artistas no Youtube que tem clipes com bebidas e patrocinados por bebidas, onde não há qualquer restrição ao conteúdo ou exibição. Maiara e Maraísa, Gusttavo Lima, Kondzilla, pra citar apenas alguns.

Em suas redes sociais, Pabllo se pronunciou: “Sofremos uma restrição de idade no clipe porque estou lá segurando um copo de vodka, sendo que já diz no clipe “Beba com moderação”, diz Pabllo.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

“Foram dias pra fazer esse projeto, dei duro. E sabemos que há muitos clipes com conteúdos muito mais nocivos e explícitos no Youtube. Nenhum deles é banido, nenhum é restrito, sequer são lembrados… Mas atacam a drag queen a torto e a direito!”, desabafou a artista.

Ao final, Pabllo fez um apelo para, querendo a Censura ou não, vittarlovers façam de Parabéns algo que já é seu destino: ser o hit do Carnaval 2020.

A cantora ainda afirmou que irá recorrer da decisão na justiça para trazer de volta seu clipe para que todos possam assistí-los: “Pra que todos possam ver! Não há nada de mais lá que não tenha em nenhum outro clipe neste país!”.

Assista abaixo aos Stories onde Pabllo se pronunciou:

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).