Com as pessoas impedidas de se manifestarem na rua em celebração ao Mês do Orgulho LGBT+ devido a pandemia de coronavírus, a organização ucraniana “Kyiv Pride”, que luta pelos direitos LGBTs no país, decidiu homenagear a data de outra forma: ostentando a bandeira da comunidade nos céus da capital da Ucrânia, Kiev.

Com a ajuda de um drone, os ativistas estenderam a bandeira do arco-íris no monumento histórico “Motherland”, uma grande estátua de aço simbolizando uma mãe segurando uma espada e um escudo, erguida em 1981 quando o território ainda fazia parte da União Soviética.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O drone colocou a bandeira ao lado da espada e o efeito visual mostra “a mãe” erguendo a bandeira no céu ucraniano. Acesse para ver o vídeo.

A “Kyiv Pride” compartilhou o vídeo no Facebook com a hashtag #momwillunderstandandsupport (“Mãe pela igualdade para todos!”). A bandeira ainda foi exibida em outros locais da capital ucraniana, como a organização compartilhou nas redes sociais, veja as publicações aqui, aqui e aqui.

VEJA TAMBÉM:  Fotógrafo salva garoto gay de ataque de gangue homofóbica na Ucrânia; assista

A “Dronarium Ucrânia”, que forneceu e pilotou os drones para o protesto, esclareceu que os vôos foram realizados com segurança e em total conformidade com os regulamentos de voos, e que seus pilotos têm “centenas de horas” de experiência com drones carregando bandeiras.