Depois de sair do Big Brother Brasil com a maior rejeição da história do reality da Globo em mais de 20 anos, Nego Di agora está sendo acusado de outro erro grave: homofobia.

O empresário Rodrigo Branco – que não é gay, embora tenha sofrido ameaças homofóbicas pelo agora ex-BBB – expôs em seu Instagram uma troca de mensagens privadas acontecida entre ele e Nego Di no ano passado.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Na época, Rodrigo – que vive em Orlando, nos EUA – estava sendo problematizado e exposto na Internet após um episódio em que foi acusado de racismo por detonar a jornalista de Maju Coutinho (afirmando que ela só havia sido promovida por sua cor). Após a péssima repercussão, Rodrigo se desculpou depois.

Na ocasião, Nego Di – bem menos conhecido do que hoje após o BBB – foi ao Instagram de Rodrigo e simplesmente ameaçou: “Preto rico, tu gosta? Te prepara! Os guri vão te avacalhar! Não pisa aqui no Brasil”.

VEJA TAMBÉM:  Mais uma declaração homofóbica: Bolsonaro diz que o Brasil não pode ser país de gay

Após as primeiras ameaças, foi então que Nego Di foi homofóbico fazendo pouco da luta contra a homofobia, uma bandeira que Rodrigo defendia em publicações do seu Instagram: “Depois quer lutar contra a homofobia!”.

Em seguida, Nego Di, segundo mostram os prints postados por Rodrigo, teria ainda terminado dizendo: “Algum negrão deve ter machucado seu c*! Put*o safado!”. Veja os prints expostos por Rodrigo abaixo:

Nego Di ameaça Rodrigo Branco em print. (Foto: Reprodução / Instagram)
Nego Di ameaça Rodrigo Branco em print. (Foto: Reprodução / Instagram)
Nego Di ameaça Rodrigo Branco em print. (Foto: Reprodução / Instagram)
Nego Di ameaça Rodrigo Branco em print. (Foto: Reprodução / Instagram)

Na legenda de sua publicação, Rodrigo Branco explicou por que decidiu expor a conversa privada após a eliminação recorde de Nego Di no BBB: “Há um ano recebi essa mensagem desse rapaz, não conhecia e não conheço – quando começou BBB descobri isso. Acho que a reflexão é: independente do erro, não somos nós quem devemos julgar, expor, “cancelar” ou tirar proveito e notoriedade tentando lacrar!”.

E continuou: “Que bom que vejo pessoas que no passado “lacraram” hoje mudaram o discurso. Pena que alguns “amigos” demoraram um ano para perceber – mas no fundo a lacração as vezes vale mais que a amizade para alguns! Ir para um BBB é buscar exposição, se dispor a ser julgado, votado e eliminado – literalmente – algumas vezes.”

VEJA TAMBÉM:  Atleta é banido do time após vídeo homofóbico e racista

“O problema é quem não optou e passa por isso. Seguimos evoluindo e com mais amor! Bom dia!”, concluiu.

Veja a publicação original de Rodrigo abaixo:

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).