Até quando teremos que lidar com esse tipo de gente homofóbica na sociedade, não é mesmo?

Um motorista de taxi de Nova York simplesmente insultou o americano Ryan Smith e um amigo que chamaram um carro pelo aplicativo para levá-los de Manhattan ao Brooklyn na cidade.

Durante a rota, enquanto os dois amigos conversavam amenidades, o taxista interrompeu o papo e perguntou: “Péra, vocês são gays?”, quando os dois mal souberam o que responder de tão surpresos que ficaram com a pergunta descabida.

Antes que os dois dissessem, ele perguntou novamente em tom agressivo: “Vocês são gays??”


Assista também:


“Sim, eu sou”, disse Ryan, ao que o motorista respondeu gritando “Eu não levo gays!!”, deixando o rapaz naturalmente chocado.

Ainda segundo a notícia veiculada pelo NewNowNext, Smith e seu amigo saíram então em seguida do carro onde chamaram outro taxi. Eles felizmente conseguiram tirar uma foto do registro do taxista antes de sair do veículo.

Ryan, expulso de taxi por ser gay.

A companhia Taxi e Limousine Comission, dona da frota, foi procurada e afirmou em comunicado: “O comportamento do motorista é inaceitável e ele vai responder por suas ações. Isso não deve ser correto em Nova York ou em qualquer outro lugar.”

“Sempre que passar por alguma situação do tipo, registre, fale em todo lugar!! Isso não pode acontecer!”, disse Ryan Smith à imprensa que o entrevistou sobre o ocorrido.

O incidente ocorreu curiosamente logo após também ser noticiado na imprensa o caso de uma lésbica expulsa de um Uber, também na cidade de Nova York.

Fora esta história, também teve o caso da drag queen de RuPaul, Aja, que foi expulsa com seu namorado de um Lyft, também em Nova York, no ano passado, por ter dado um beijo no amado dentro do veículo.

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).