Uma enfermeira trans fez história ao ser uma das primeiras brasileiras vacinadas contra a COVID-19. Geanne Greggio, 44 anos, é moradora de Embu das Artes, na grande São Paulo, e funcionária da rede municipal, responsável pelo programa de combate ao DTS/AIDS de Embu.

“Acredito que sou a primeira mulher do Brasil transexual a receber a vacina. Embu está sendo pioneira. Só tenho que agradecer em nome de todas as pessoas que eu represento”, declarou Geanne ao Jornal na Net.

Conheça a 1ª mulher trans a ser vacinada no Brasil contra o coronavírus
Conheça a 1ª mulher trans a ser vacinada no Brasil contra o coronavírus (Foto: Divulgação)

O prefeito Ney Santos iniciou a vacinação assim que recebeu as 1.800 doses destinadas a cidade pelo Governo do Estado. A cidade de Embú das Artes escolheu 5 mulheres dentre os profissionais de saúde para receber as primeiras doses.

O evento que deu início a campanha aconteceu no Centro de Combate ao Coronavírus, no Vazame.